2007 - 2017 | 10 anos do referendo

 

“A destruição da vida – do aborto à eutanásia - é a destruição do Homem. Como diz o Papa Francisco, é contra a ecologia, é criar vidas descartáveis, é um retrocesso civilizacional”

Isilda Pegado
Presidente da Federação Portuguesa pela Vida

No passado dia 11 de Fevereiro de 2017, por ocasião do 10º aniversário do referendo do Aborto, a Federação esteve reunida na Associação Comercial de Lisboa (CCIP).

Foram mostrados os filmes de uma reportagem televisiva da Caminhada pela Vida do ano do referendo bem como as declarações do Não nesses dia pela voz de Isilda Pegado e João Paulo Malta. Seguiu-se o discurso do vice-presidente da federação António Pinheiro Torres e a apresentação junta do Francisco Vilhena da Cunha (director do gabinete de estudos da federação) com os resultados oficiais do aborto a pedido da mãe introduzido na sequência do resultado do referendo.

Em seguida houve uma mesa redonda com associações que trabalham no terreno na ajuda a grávidas em dificuldade (Vida Norte do Porto, ADAV de Aveiro e Viva Há Vida da Margem Sul) ou na dissuasão de ultima hora junto à Clínica dos Arcos em Lisboa (Mãos Erguidas).

Por fim encerrou-se a sessão com dois testemunhos  extraordinários de dois jovens empenhados na defesa da Vida e que em 2007 não tinham idade para votar e com um discurso da Isilda Pegado, presidente da Federação Portuguesa pela Vida, fazendo a síntese do encontro.

Veja aqui a filmagem completa do encontro: