Foi apresentado, no passado dia 11 de Fevereiro de 2017,  pelo Francisco Vilhena da Cunha (director do gabinete de estudos da federação) , o último estudo sobre o balanço destes 10 anos com os resultados oficiais do aborto a pedido da mãe introduzido na sequência do resultado do referendo.

Consultar o estudo